sexta-feira, 3 de agosto de 2007

PEDAL DE QUARTA-FEIRA, 01/08/07

Anteontem à noite, conforme tratado via e-mails e a despeito dos ventos polares e de um frio de rachar, fomos ao bikeponto Argentino, Clever, Rodrigo Caxambu e eu para mais um pedal noturno. Deliberamos e decidimos fazer o Gran Solúvel e, ato contínuo, saímos cheios de empolgação. Metemos a cara pelos nossos caminhos rurais com um céu onde nuvens não se viam, o que realçava um rendado estelar esplendoroso. Todo o trajeto ia sendo cumprido rapidamente e sem intercorrências, até que, naquela forte subida com patamares logo após a Ponte dos Buenos, houve a única troca de pneus de todo caminho. Isso deu-nos a oportunidade de admirar a lua que àquela hora se mostrava, bela e cheia, cintilando cúpreos reflexos, como é de praxe no inverno. Tão belo estava o cenário que paramos por uns momentos para contemplá-lo. Bem, como não só de beleza se faz um pedal noturno, seguimos em frente sem parar para mais nada, num pedal rápido e forte. Para os meus colegas foi um pedal sem maiores dificuldades; para mim, retornando que estou de uma longa inatividade, foi necessário uma grande superação para tentar acompanhá-los, o que não foi fácil e nem sempre possível. De qualquer forma, mais uma vez fizemos acontecer nosso tradicional pedal. É isso aí, chova ou faça frio, sempre haverá um ou mais Bikessauros dispostos a unir o pensamento à ação.

Rodrigo

Nenhum comentário: